18/5 a 5/6 - Magia das cores - Simone Santos
Temática revelada através de paisagens românticas, reforçadas e agraciadas por toques de sensibilidade, cheios de movimento e ritmos.

  Rodolfo Bermudez
  MENNA BARRETO
  Zanotti
  Bea Machado
  Vito Campanella
  Elon Brasil
  Amorelli
  Walter Munhoz
  José Lima
  Armando Sendin
  Madiano Tomei
  Paulo Cabral
  Cláudia de Vilafamés
  Laprovitta
  Dario Dárguez
   Regina Pujol


  Osmundo Teixeira
  Margarita Farré
  Santos Lopes
  Hildebrando Lima
  Marcelo Neves


Dora Parentes

cadastrado no grupo de pintores

obras expostas na galeria

     

 Eu pinto não só pelo prazer de pintar.  A minha contribuição a sociedade em que vivo, vai mais além.”. “ Quando transporto meus sonhos para as telas, me importo em desenvolver a minha fantasia, transformando-a em realidade, dando ênfase a LIBERDADE.”


Dora nasceu Doralice do Piauí. Veio para o Rio de Janeiro na década de 60, onde iniciou a carreira no Salão Nacional de Belas artes, obtendo Menção Honrosa, Medalha de Bronze, Medalha de Prata,  entre outros prêmios em todo o País.

No período de 1970 a 2008, realizou 64 exposições individuais.

Destacando:

2002 - Os 100 anos de J.K. Brasília em 2002.
2005 - Centro Cultural Correios no Rio de Janeiro e Salvador - BA
2006 - com um grande painel  “Exaltação” nas comemorações dos 154  anos  de Teresina-PI.
2007 - Exposição Jacob Javit Center, em Nova York - EUA, na Galeria Rembrandt, no Rio de Janeiro e no KM 14 e Forte de Copacabana.
2008 - Exposição Ecos de Dora - no Museu Mãe D Água, Lisboa - Portugal

Condecorações:
Entre muitas destacamos:
Medalha do Mérito Cultural Conselheiro José Antonio Saraiva.
Ordem Estadual do Mérito Renascença do PI.
Troféu Octávio Miranda do Jornal O Dia.
Medalha da Assembléia Legislativa do Piauí.
Homenagem da Prefeitura de Piripiri.
Medalha Juncal.
Medalha do Mérito Cultural Da Costa e Silva.
Medalha Mérito Cultural Governo do PI - Academia Piauiense de Letras - Personalidade do Século.
Colaboradora do Museu Histórico do Exército.
Prêmio Mulher AZ, entre outros com Arte, em Teresina.

Em 2004, foi lançado no Rio de Janeiro, Piauí, Brasília, e em Salvador, o Livro “Dora Parentes - Entre a Figura e a Abstração” de autoria de Geraldo Edson de Andrade.

Citações:
Entre muitas, destacamos:
Enciclopédia Itaú  Cultural.
Capa Livro Petroquímica União 98.
Livro Brasília Patrimônio Cultural da Humanidade.
Seus quadros foram bem cotados no Leilão do Palácio de Viscayia em Miami, durante o lançamento da Revista Brazilian Art.
Possui obras na Pinacoteca da FURNATE, Museu Histórico do Maranhão, Caixa Econômica Federal de Brasília, Petrobrás - Rio, Secretaria Estadual de Cultura - São Paulo, Casa da Cultura Equatoriana, Centro Cultural Correios Rio e Salvador - Ba,  Museu de Arte do Parlamento - São Paulo. Painel Tribunal de Contas - PI,  Salão Nobre Prefeitura de Teresina PI e em diversos acervos particulares no exterior e em seu Pais.

Menção Honrosa:
Em 2006 tomou posse na Academia Brasileira de Belas Artes.